ISRAEL | Fique por dentro



Document Israel - Tel Aviv - Safed - Jaffa

A aguardada lista de 50 Melhores Destinos para Visitar em 2018 da Travel + Leisure já foi divulgada e inclui a cidade israelense mais agitada, Tel Aviv. A revista destaca a vida noturna, o crescimento da cena gastronômica nos últimos anos, além da vibrante região portuária de Jaffa.

Novidades na hotelaria, como a inauguração do Setai Tel Aviv, resort urbano que funcionará em uma antiga prisão otomana restaurada, e o W Hotel, localizado em um prédio do século 19 e que já abrigou um convento e um hospício, também foram consideradas.

A lista foi criada pelos próprios especialistas de viagem da publicação, desde jornalistas do mundo inteiro aos próprios editores. Eles analisam quais lugares estão hoje na linha de frente das conversas globais, tanto em termos de celebrações internacionais como novas atrações e infraestrutura. 



Novo Museu em Jerusalém

Jerusalém acaba de ganhar um novo museu na Colina da Munição, área entre os bairros Ramat Eshkol e French Hill e um dos locais palco da Guerra dos Seis Dias, em 1967.

O museu abrange os eventos em torno do confronto retratados por meio de documentos pessoais e as exibições incluem itens da batalha, como ilustrações de lutadores, o livro de oração do rabino Goren, entre outros objetos. Os visitantes podem ver as trincheiras e bunkers originais, um ponto de observação de Jerusalém, um memorial para a Brigada 66 Paratroopers e um "Muro de Honra", que homenageia os soldados judeus que lutaram durante a guerra.

O museu também oferece uma apresentação interativa sobre a Guerra, em inglês e hebraico, e um filme de 22 minutos sobre a batalha disponibilizado em seis idiomas: hebreu, inglês, francês, russo e espanhol.



Vestígios de um mosteiro de 1.500 anos descoberto em Beit Shemesh

Os vestígios de um mosteiro de 1.500 anos (período Bizantino) e uma igreja decorada com pisos de mosaico e elementos de mármore foram descobertos durante escavações realizadas pela Autoridade de Antiguidades de Israel, em Beit Shemesh.

De acordo com Benyamin Storchan, diretor das escavações da Autoridade de Antiguidades de Israel, a equipe ficou surpresas com o estado de preservação dos antigos vestígios e a riqueza dos achados.

"Os artefatos encontrados no grande edifício, que parece ser um composto monástico, podem indicar que o local era importante e talvez um centro para peregrinos antigos na região de Shephelah, na Judéia. Durante a escavação, descobrimos os restos de paredes construídas com alvenaria de pedra trabalhada e uma série de elementos arquitetônicos, incluindo uma base de pilar de mármore turco decorada com cruzes e telas de mármore."


Você sabia?
 
Segundo local mais sagrado do judaísmo, o Muro das Lamentações é uma das atrações turísticas mais famosas de Israel. Por ano, cerca de 1 milhão de bilhetes com pedidos são colocados entre as frestas do Muro, um ritual de fé que é praticado por inúmeros visitantes, independentemente da crença.


DESTINO DA VEZ



Safed

A mais alta da Galileia, Safed é uma das quatro cidades sagradas em Israel. Pela sua altitude, Safed oferece um clima de montanha agradável e uma bela vista da região. Porém, a cidade é mundialmente famosa como o centro mundial da Cabala, onde os místicos viviam e estudavam.

Uma vez que a história de Safed remonta a milhares de anos, naturalmente, a cidade oferece muitos locais históricos imperdíveis. Na Citadel, no topo da cidade, é possível explorar ruínas dos tempos das cruzadas. A herança do império turco otomano oferece passeios agradáveis como uma visita a Mesquita Vermelha, que hoje é um salão de eventos, ou a antiga sede turca de Safed, onde atualmente funciona um templo comunitário.

Suas ruas estreitas e pitorescas apresentam belas sinagogas e museus, o que tornam a cidade perfeita para ser explorada a pé. Com muitos artistas, as galerias de arte são imperdíveis, assim como as lojinhas e os pequenos restaurantes. Fonte: Divulgação

Fonte: Assessoria de Imprensa

Postado por Angela Karam - 12/02/2018 às 14:005